Institucional
Notícias

Intenção de consumo é a maior desde abril de 2020, diz CNC

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) registrou alta de 1,3% em novembro, chegando a 89 pontos, o maior patamar desde abril de 2020

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) registrou alta de 1,3% em novembro, chegando a 89 pontos, o maior patamar desde abril de 2020, de acordo com o índice divulgado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Para a entidade, o desejo de consumo foi impulsionado pela Black Friday, o Natal e a Copa do Mundo.


Apesar da melhora acumulada de 21,3% ao longo de 2022, o indicador só é considerado positivo quando supera os 100 pontos. Os componentes responsáveis pela manutenção do ICF abaixo desse patamar são os referentes ao nível de consumo atual, à perspectiva de consumo, ao acesso ao crédito e ao momento para bens duráveis. Em contrapartida, continuam acima dos 100 pontos a percepção sobre o emprego atual, a renda atual e a perspectiva profissional.

Conselho Regional de Química 2ª Região

Minas Gerais

 Rua São Paulo, 409 - 16º Andar - Centro, Belo Horizonte - MG - 30170-902

 (31) 3279-9800 / (31) 3279-9801